Banca F I N A L

Chegou o dia, 13 de Dezembro de 2018, dia da Banca final de um processo que começou em março de 2011 (inicio da graduação de Arquitetura e Urbanismo), ou em março de 2018? ou em janeiro de 1989 (quando nasci)? Quando dizemos que algo começou? Quando decidir que acabou?

Este final está com um baita sabor agridoce, além de tantas questões da vida entrelaçadas com isto, tem também a sensação estranha que é chegar ao fim de algo tão grande e deixar morrer todas as outras coisas que poderiam ter sido. É uma especie de luto também. E estou aqui terminando a apresentação que farei em algumas horas e me deu vontade de escrever, de organizar os sentimentos, as ideias e os argumentos.

Argumentos iniciais

“O ato de habitar é o modo básico de alguém se relacionar com o mundo”

Juhani Pallasmaa

Todos moramos em algum lugar, é nossa segunda casca, logo após as nossas roupas. Como moramos é como nos relacionamos com o mundo. Esta é uma questão de relevância universal.

8618550529_428761a11c_o.jpg

“Quando o envelhecimento é aceito como um êxito, o aproveitamento da competência, experiência e dos recursos humanos dos grupos mais velhos é assumido com naturalidade, como uma vantagem para o crescimento de sociedades humanas maduras e plenamente integradas.”
Art 6º Plano de Madri 2002

8625159284_f1e373d62c_o.jpg

Qual o lugar para as pessoas idosas na nossa sociedade? Como esta relação começa dentro das suas próprias casas?

ARQUITETURA

O problema

Como pensar no usuário principal de um espaço sendo o idoso afeta as estratégias de projeto?

infografico envelhecimento_Prancheta_Prancheta 1.jpg

Esta é uma abordagem importante, porém ela foca muito no que falta no idoso, comparado com uma pessoa jovem em plena capacidade, e não oferece exatamente uma visão humanizadora para o espaço, para agregar esta qualidade ao projeto recorri ao livro Uma Linguagem de Padrões, de Christopher Alexsander, por sugestão dos professores na primeira banca, e assim construí uma linguagem especifica para este caso, adaptando alguns dos padrões e criando outros para este caso especifico.

A humanizaçãomemorial v182

memorial v1822

Uma referência em termos de programa, de perfil de usuário e de questões legais, foi o programa do Estado de São Paulo Vila Dignidade, que junto a diversos outros programas faz parte do Sp Amigo do Idoso, que visa aumentar a qualidade de vida e garantir direitos básicos a idosos em situação de risco e vulnerabilidade.

A foto abaixo foi tirada em uma visita da Vila Dignidade de Limeira em Julho de 2018, e a visita trouxe importantes contribuições para entender esta realidade.

03072018-IMG_9205.jpg

E então nasceu o programa para a Vila das Andorinhas

programafinal-03.png

E por fim a implantação:

pranchas a1.jpg

implantação fita iso3.png

A casa

casa 1casa isometrica fechada.jpg

casa 1 explodida3.jpg

casa-1plantapersp.jpg

casa 1fachada28113.png

casa-1-cozinha28.1114.10.pngcasa-1-quarto-quintal28.11.pngcasa-1sala-banheiro2811.pngcasa 1 quarto quintal28.11.pngcasa-1quintal-sala-varanda2811.png

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s